Homens alcoólatras – quando beber socialmente ultrapassa os limites.

Homens alcoólatras – quando beber socialmente ultrapassa os limites.

O alcoolismo é uma doença que causa grandes sofrimentos ao individuo como para todos que os cercam, e a luta é diária para que se consiga sair do fundo do poço e a ajuda de todos os que os cercam.  Homens alcoólatras é mais comum do que mulheres, claro que também existem casos de alcoolismo feminino, mas a maior taxa de incidência é no universo masculino e o que acontece com as famílias dessas pessoas é algo realmente assustador, pois com a doença vem os casos de agressão, as separações de famílias, filhos traumatizados.

 

homens alcoólatras- Beber socialmente ou alcoolismo?

 

Homens-alcoólatras

Como sabemos o momento em que beber para relaxar daquela semana vira uma dependência grave? Todos os finais de tarde principalmente as sextas-feiras os barzinhos lotam de pessoas que vão tomar um chopinho ou uma cervejinha para retirar a tensão da rotina, só que algumas pessoas ultrapassam esses limites e se entregam ao vício.

Claro que se você sair para beber com os amigos em casos de comemorações e até mesmo para aliviar a rotina não te tornará um homem alcoólatra, mas é preciso ficar atento aos sinais, se você se pega fugindo para a bebida a cada novo problema que surge em sua vida ai sim está na hora de tomar providencias e evitar que sua vida vire de pernas para o ar.

Como a bebida é uma droga lícita e vendida em qualquer lugar é de mais fácil acesso a todos acaba que muitas pessoas nem percebam que estão doentes.

E infelizmente o alcoolismo é mais comum do que podemos imaginar, todos os dias famílias inteiras são despedaçadas por esse mal, mas existem esperanças, o primeiro passo é aceitar a doença e encarar o problema de frente e aceitar os tratamentos, o mais difícil é encarar a internação mas muitas vezes é a melhor solução, alguma clinicas são especializadas no tratamento da dependência.

Mas nada substitui o carinho e a dedicação da família, sim, pois mesmo que as pessoas tendem a julgar não é um caso de falta de vergonha ou comodismo é uma doença e precisa ser tratada como tal, não adianta conviver com um alcoólatra e achar que ele vai se virar só, é uma comunhão, uma ajuda mútua, já imaginou se o pai da família é alcoólatra e em uma reunião familiar os presentes resolvem tomar uma cervejinha? Não cabe no contexto, não ajuda.

O ideal é procurar grupos de apoio, grupos de orações, orientação psicológica, tudo como uma maneira de ajudar o alcoólatra.

Nesses momentos a aproximação de Deus é fundamental para alguns entendimentos e para se adquirir sabedoria, na palavra dele encontramos conforto para carregar o cargo do dia a dia e assim você conseguirá ter mais paciência para lidar com essa situação tão complicada, já diz a palavra que a mulher sábia edifica seu lar, então se seu esposo está passando por esse grande problema que é o alcoolismo.

Participar de reuniões dos alcoólicos anônimos ajuda pela oportunidade de compartilhar as experiências, uma maneira de enxergar que não se está sozinho nessa luta, que existe sim uma solução, a terapia com um psicólogo semanalmente também te leva a questionar os motivos de ter chego a tal ponto, ir ao fundo do problema para encontrar a força para reagir e dar a volta por cima.

Homens alcoólatras muitas vezes não têm noção de seus atos quando estão tomados pelo vício, muitas vezes tomam certas atitudes no calor da dependência que vem a se arrepender depois, por isso lute! Erga a cabeça aceite o problema e reaja siga em frente, todos temos o direito de errar e reconhecer esse erro já é o primeiro passo dessa grande caminhada!

 

 

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×